Notícias

Ford aponta tendências na eletrônica automotiva

 

 

Ford apoia a International CES 2013, maior feira de inovação do mundo, marcada para 8 a 11 de janeiro em Las Vegas, nos Estados Unidos. Os modelos C-MAX Energi e C-MAX Hybrid, da linha de híbridos elétricos da marca, serão os carros oficiais do evento, onde especialistas da empresa falarão sobre as tendências de inovação na indústria automotiva, interagindo com os avanços da tecnologia de sensores, computação e sistemas de comunicação. 

"A tecnologia permite à Ford trazer um novo nível de conhecimento e inteligência, que vai melhorar radicalmente a qualidade do tempo que as pessoas passam ao volante", disse Paul Mascarenas, vice-presidente e chefe técnico que tem liderado o time de pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias da montadora, especialmente na área de assistência ao motorista e conectividade com dispositivos móveis. 

"O Fusion incorpora um nível sem precedentes de sensores, com tecnologias de assistência ao motorista, técnicas de aprendizado para aumentar a disponibilidade de tração elétrica nos híbridos e interfaces gráficas inovadoras para orientar o motorista a economizar combustível", diz o executivo. Com mais de 145 atuadores, 4.716 sinais e 74 sensores - incluindo radar, sonar, câmeras, acelerômetros, sensores de temperatura e de chuva -, o Fusion 2013 pode monitorar o ambiente em torno do carro e enxergar pontos não visíveis para o motorista. Os sensores produzem mais de 25 gybabites de dados por hora, analisados por 70 computadores embarcados. Junto com os atuadores, eles podem alertar o motorista sobre potenciais perigos, ajudar a estacionar e manter o carro na faixa. 

"Apenas arranhamos a superfície do que é possível", diz Mascarenas. "O Fusion tem sensores e atuadores que agem independentemente, integrados aos sistemas de assistência. A próxima fase, agora em pesquisa, está voltada à fusão de sensores para perceber o ambiente de forma mais abrangente, combinando múltiplos sinais e também informações externas usando a conexão em nuvem." 

Mascarenas destaca as principais áreas de inovação da tecnologia automotiva nos próximos anos: 

*Análise de grande volume de dados e tomada de decisão inteligente. A Ford pesquisa o uso de sensores de dados em tempo real, baseados em radar e câmera, para avaliar fatores externos que afetam a atenção do motorista, como congestionamentos, e limitar potenciais distrações, como uma chamada no celular; 

*Equipamentos customizados e atualizáveis: a plataforma de pesquisa OpenXC da Ford investe no potencial das fontes abertas, da inovação voltada à comunidade e equipamentos modulares "plug and play", que permitam infinitas oportunidades de customização rápida; 

*Integração ininterrupta entre ecossistemas na nuvem: o sucesso do sistema de conectividade Ford SYNC está ligado à sua estratégia de plataforma aberta, que já permitiu a adaptação e compatibilidade com o universo de conexão móvel. O próximo passo é fazer o mesmo para o avanço dos serviços baseados em nuvem; 

*Aprendizado avançado de máquinas: os novos híbridos Fusion e C-MAX Energi plug-in usam o EV+, um dispositivo que aprende os locais habituais de recarga, como a casa ou escritório, e otimiza automaticamente o modo de tração elétrica quando o carro está próximo desses locais; 

*Biométrica: a montadora está pesquisando sensores biométricos, como os instalados no banco do carro para medir o stress e produzir uma resposta mais adequada dos sistemas de assistência ao motorista, já que o nível de habilidade pode variar em certas situações; 

*Previsão: os pesquisadores buscam caminhos para prever o comportamento do motorista, como o destino de viagem baseado na experiência anterior, para ajudar a otimizar e configurar os controles do veículo e melhorar o desempenho, como um melhor gerenciamento de energia; 

*Autenticação rápida de dados: a Ford vê um grande potencial na comunicação entre veículos e está pesquisando ativamente essa tecnologia, incluindo sistemas avançados wi-fi com capacidade de autenticação rápida para que os carros possam trocar informações de forma instantânea e segura, ajudando os motoristas a evitar potenciais colisões.

 

Fonte: automotivebusiness


Ford Dimas

Interessado num carro novo?

4 + 2 = ?

Ligue para nossas lojas

Horário de funcionamento