Notícias

Ford Fiesta ST tem motor 1.5 Ecoboost com 200cv de potência

 


Se você é do tipo que curte um hot hatch, olha só o que a Ford acaba de exibir na Europa. Trata-se da versão esportiva do novo Fiesta, a ST, que será apresentada oficialmente em março, no Salão de Genebra, na Suíça. E o que deixa esse compacto nervoso é o motor Ecoboost 1.5, de três cilindros, que, com o auxílio do turbo, despeja nada menos que 200cv. O modelo conta ainda com tecnologia para garantir a melhor performance na hora de dirigir, proporcionando segurança e redução de consumo e emissão de poluentes.


A nova geração do Ford Fiesta foi apresentada na Europa no fim do ano passado, mas a montadora deixou para depois a versão mais cobiçada, a ST. Ela finalmente foi exibida e chega como o primeiro modelo da Ford Performance, divisão esportiva da marca, equipado com motor de três cilindros. De acordo com o fabricante, o novo Ecoboost 1.5 proporciona bons resultados graças à combinação de turbocompressor, injeção de combustível em alta pressão e duplo comando independente e variável de válvulas, que garantem melhor desempenho e economia de combustível.


É um três-cilindros com bom torque em baixas rotações, que traz uma turbina com desenho moderno, capaz de reduzir o atraso nas acelerações (o chamado lag), proporcionando respostas mais ágeis e suaves, sem trancos. Outro detalhe interessante desse motor é que ele, assim como o Ecoboost 1.0, conta com a tecnologia de desativação de cilindros, que garante redução no consumo de combustível. Na prática, toda vez que o motor não está sendo muito exigido, o sistema interrompe automaticamente a entrada de combustível e o funcionamento das válvulas de um dos cilindros. Tudo feito em milésimos de segundos. Mas se o motorista pisa fundo no pedal, o turbo entra em ação e os 200cv logo fazem o giro do motor subir, acelerando até 100km/h em 6,7 segundos.


TRÊS MODOS O novo Fiesta ST é também o primeiro a contar com modos de direção selecionáveis. No modo normal, o mapeamento do motor, os controles de tração e estabilidade, o som do escapamento e a direção elétrica são configurados para uma resposta mais natural. No modo sport, o mapeamento do motor e as respostas do acelerador e da direção são bem mais rápidos, além de o som do escape ser mais esportivo. Já no modo track, todas as características dinâmicas do veículo são ajustadas para uma aceleração mais rápida, o controle de tração é desativado e o controle de estabilidade permite um deslizamento maior para circuitos travados. 


Para alterar o ruído emitido pelo escapamento, a Ford usou uma válvula de controle ativo e o sistema Electronic Sound Enhancement, que amplifica o som naturalmente esportivo do novo motor Ecoboost. O Fiesta ST traz ainda tecnologia de controle de torque vetorial, que reduz o subesterço aplicando o freio na roda dianteira interna em curva. Além disso, o controle de estabilidade pode ser programado em três modos de atuação: intervenção completa, modo de deslizamento com intervenção limitada e desativação total. É para a pessoa ter a liberdade de escolher entre “sem emoção”, “com emoção” e “com muita emoção”.


O novo Fiesta ST tem lançamento previsto para o início de 2018 e será vendido com carrocerias de três e cinco portas. Claro que a versão terá alguns elementos de personalização, que incluem grade exclusiva do tipo colmeia, aerofólio, saída dupla do escapamento e belas rodas de desenho esportivo aro 18 polegadas. Por dentro, a esportividade também está presente nos bancos Recaro e no volante de base achatada. E para quem valoriza conectividade e um bom equipamento de áudio, o Fiesta ST traz sistema multimídia SYNC 3 e som de alta fidelidade Bang & Olufsen. Um pacote completo para quem gosta de acelerar com estilo.

Ford Dimas

Fotos

Interessado num carro novo?

4 + 3 = ?

Ligue para nossas lojas

Horário de funcionamento